quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Zero a zero


Não aqueço nem aquiesço : esqueço
Não atino nem desatino : destino
Não velo nem desvelo : relevo
Não clamo nem reclamo :
                                    Te amo.

5 comentários:

Jennifer Reis disse...

Quando disseram que teu blog era maravilhoso, eu não imaginava tanto! :)

Cynthia Osório disse...

Paula, você tem um jeito autêntico de lidar com as palavras, de fazer delas seu brinquedinho e assim de um modo que parece despretencioso dizer tudo com tão pouco! Toda vez que te leio penso: "queria eu ter escrito isso"
Muito bom, tudo por aqui! Sigo sua fã! Bjos!

Assis Freitas disse...

placar em branco,

beijo

Fernand's disse...

tá tão longe que eu tbm não chamo mais... só falo baixinho: te amo.



rsrs

bjs, maria!

Melinda Bauer disse...

e declamo...
grande beijo