quarta-feira, 8 de junho de 2011

tira teima



Dá para inventar um amor,  não uma saudade.
Saudade é desarranjo.
 É quando o corpo parte, mas a alma teima e fica.

.

Um comentário:

Aline Barra disse...

Que besteira mais bonitinha!!! hehehe