domingo, 12 de junho de 2011

Oração da solteira



Santo Antônio, me dê um namorado
carinhoso, fiel, sem ser casado
que celebre cada data importante
e me atenda antes, depois e durante

São Valentim, ser rico não carece,
mas pobretão também ninguém merece
que não associe férias a anzol
e deteste jogo de futebol

Santo Expedito, tudo é possível:
que seja forte e meigo sem ser gay,
que casar lhe seja algo factível
que nunca diga: “ Eu te avisei...”

São Longuinho, quem te procura, acha:
não permita que ele fale “menas”
ou tenha as unhas sujas de graxa
se beber, que seja uma dose apenas

São João, paciência é essencial
que ele adore minha mãe, por favor
na cama, amante profissional
a TPM, trate com amor

Meu Pai do Céu, permita que eu peque
faça com que a fonte nunca seque,
livrai-me, Pai, de crises passionais
Amém. Será que exigi demais?
.

4 comentários:

Aline Barra disse...

Que nada, Maria Paula! Pedido na medida (do im-possível, rs).
Abraços!

Blog do Pizano disse...

só mesmo cinco santos,
além do chefão,
para ajudar a dar conta
de tamanha missão

rsrs

abs, Maria Paula

Cynthia Osório disse...

Perfeitos, o poema e o pedido!!

Luluzinha disse...

Faltou pedir que gostasse de cozinhar, lavar e passar e tomar banho de chuva.
Adoro te ler...sempre.
beijos de saudade.
Lu do recanto (a das entrevistas) lembra-se?